boca incendio

Bloco de Esquerda quer esclarecimento sobre águas.

O BE – Bloco de Esquerda de Azambuja, fez saber em comunicado divulgado que pretende o agendamento de uma Assaembleia Municipal em que a concessão de águas de Azambuja possa ser discutida. Para além da substituição de bocas de incêndio e de rupturas que ficam dias e dias sem reparação e de queixas de falhas de abastecimento, por tudo isto o pedido ddo BE que assinala o seguinte:

~”É por demais evidente o constante mal-estar, aliás sistematicamente reportado em assembleias municipais, sobre as condições de prestação do serviço, nomeadamente facturação, pressão do caudal de água, substituição de contadores, etc. pelo que importa que a Assembleia Municipal se informe e analise de forma sistemática e documentada sobre o que tem sido feito para resolver as situações mencionadas.

(…).As recentes substituições arbitrárias de “bocas de incêndio” têm provocado, de igual modo, alguma alarme na opinião pública que já encontrou eco em recentes declarações públicas do responsável pela Protecção Civil Municipal manifestando uma preocupação que a Câmara e Assembleia Municipal não podem ignorar.”