Últimas Nuvens de 2014!

Os presentes de bom tempo terminam neste fim-de-semana, mas apenas durante algumas horas. As nuvens e a chuva estão de regresso, principalmente ao Norte do país, contudo alguns aguaceiros podem vir a cair, principalmente no próximo Domingo. O frio, esse, não vai embora, contudo conte com noites um pouco mais quentes, do que aquelas que se têm vivido. Por isso, já amanhã, espere céu muito nublado, e as máximas a rondar os quinze graus. Pela noite, os termómetros descem até aos sete graus. No Domingo, o sol volta a dar um ar da sua graça, com a máxima a subir para os dezasseis graus, e a mínima a chegar aos dez. Na última semana do ano, a chuva volta a entrar de férias, voltando apenas, quem sabe, em 2015. Bom fim-de-semana.

Correio de Azambuja – 2014

Executivo Municipal toma as Últimas Decisões

A última reunião ordinária do Executivo Municipal de Azambuja no ano 2014 terá lugar dia 30 de Dezembro, terça-feira, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, pelas 15h00 (quinze horas). Além do período de intervenção dos vereadores, o regimento prevê dois tempos para a intervenção do público, 30 minutos antes da ordem do dia mais 30 minutos no final só para os munícipes que não puderam estar presentes no início.

Da Ordem de Trabalhos fazem parte a discussão e votação dos seguintes pontos:

 

Ponto 1 – Atribuição de apoios financeiros a Instituições Particulares de Solidariedade Social

 

Ponto 2 – Abertura de procedimento concursal para preenchimento de um lugar de serralheiro

 

Ponto 3 – Ratificação de despacho e de outorga de protocolo

 

Ponto 4 – Aceitação de donativos para a Rede de Bibliotecas: da Junta de Freguesia de Azambuja e da Caixa de Crédito Agrícola de Azambuja

 

Ponto 5 – Atribuição de apoio à Associação de Bombeiros Voluntários de Azambuja

 

Ponto 6 – Alteração à delimitação da AUGI da Quinta do Mor

 

Ponto 7 – Determinação do nível de conservação de edifício

 

Ponto 8 – Protocolo de cedência de edifício de uma antiga escola primária

 

Ponto 9 – Cedência de bens ao Centro Social Paroquial de Aveiras de Cima

 

Ponto 10 – Contrato de prestação de serviços

 

Ponto 11 – Informações

 

Câmara Municipal de Azambuja
Correio de Azambuja

2014

Recolha de Sangue em Azambuja

O Grupo de Dadores Benévolos de Sangue do Concelho de Azambuja vai realizar a última recolha de sangue de 2014. A iniciativa irá decorrer no dia 28 de Dezembro, nas instalações da Associação Cultural “A Poisada do Campino”, no Campo da Feira, em Azambuja. A acção decorrerá entre as 09h00 e as 13h00, e conta, como habitualmente, com a colaboração e supervisão do Instituto Português do Sangue e da Transplantação. Em simultâneo, o grupo dá continuação à campanha de angariação de potenciais dadores de medula óssea. O primeiro passo desse processo consiste numa pequena colheita, destinada à análise das características do sangue, e no registo dessas características e da identificação do dador na base de dados nacional. A partir desse registo, o dador poderá ser convidado a efectuar uma dádiva destinada a uma pessoa que precise e com a qual seja compatível. O grupo apela à participação de todos os associados e sensibiliza a população, em geral, para a necessidade de haver mais dadores e para o slogan do movimento, “dar sangue é dar vida”.

Câmara Municipal de Azambuja

Correio de Azambuja

2014

 

 

Azambuja ajuda Cabo Verde

O Município de Azambuja acaba de lançar uma campanha pública de apoio à população do Município de Mosteiros, no arquipélago de Cabo Verde. A iniciativa prende-se com a situação vivida nas últimas semanas naquele país africano, com as contínuas erupções do vulcão da Ilha do Fogo a provocarem a destruição de algumas habitações e equipamentos em várias localidades, e a colocarem em perigo muitas mais vilas e aldeias.

Recordando que o Município de Azambuja tem um acordo de geminação com o Município de Mosteiros, localizado exactamente na Ilha do Fogo, a autarquia vem apelar ao espírito solidário dos munícipes azambujenses em geral e de quem se queira associar para uma campanha de ajuda àquela população que, há bem pouco tempo, viveu dias igualmente difíceis devido ao surto do vírus ébola. Assim, a Câmara Municipal de Azambuja, com a colaboração das Juntas de Freguesia do Concelho e do Grupo Desportivo de Azambuja, apela à oferta de diversos bens, de acordo com as possibilidades de cada pessoa.

A ajuda pode ser materializada em roupa e calçado usados e em bom estado, brinquedos, mobiliário e também bens alimentares não perecíveis como conservas e alimentos secos. As ofertas poderão ser feitas até dia 6 de Janeiro de 2015 nas Juntas de Freguesia do Concelho de Azambuja e no pavilhão do Grupo Desportivo de Azambuja. Posteriormente, os serviços municipais farão a recolha das doações e assegurarão o respectivo envio para Cabo Verde.

Câmara Municipal de Azambuja
Correio de Azambuja

2014

Tempo Frio e Seco antes do Natal

A chuva deu um ar da sua graça no início desta semana, mas desapareceu, novamente, das previsões para os próximos dias. O mês de Dezembro tem sido seco, frio, e com muito sol. Assim irá continuar no fim-de-semana que agora começa e antecede o Natal. As temperaturas serão amenas durante o dia, e muito frias durante a noite. É favor então manter os cachecóis e os casacos por perto. No dia de amanhã. Sábado, as máximas chegam aos 17 graus, já durante a noite o termómetro, desce e muito, até aos quatro graus. O mesmo cenário ocorre no Domingo, em que a máxima não ultrapassa os 16 graus, e a mínima chega aos seis, prometendo uma noite fria. O estado do tempo irá manter-se igual ao longo da semana de Natal.

 

 

Joaquim Ramos livre do termo de identidade e residência, que durava há Anos.


O antigo presidente da câmara de Azambuja, encontrava-se obrigado a esta medida de coacção por decisão judicial que agora foi levantada.
Tudo começou quando há anos pediu a um electricista da câmara para que se deslocasse a casa da mãe para resolver um problema.
Alguém anónimamente, fez queixa à PJ e depois de aberto o inquérito e ouvidas as testemunhas, Ramos ficou inibido de se ausentar do país sem autorização.
Agora o processo acaba de ser arquivado, embora o ex-autarca tenha sido condenado a pagar mais de 600 euros a uma instituição social ( que recusou).

Correio de Azambuja – 2014